Família | Revista Graça/Show da Fé
Vida Cristã
14/09/2021
Missões – 267
01/10/2021
Foto: Arte sobre foto de WKUCA Media / Unsplash

Separados para Deus


Como servos do Senhor, é necessário que estejamos santificados, a fim de não cairmos nas astutas ciladas de Satanás (Ef 6.11). Mas você sabe o que significa estar santificado? Essa palavra vem do termo hebraico qadash, que, em português, é traduzido como separado ou consagrado. Assim como tomamos banho diariamente, precisamos passar por uma lavagem espiritual por meio da Água Viva, que é o próprio Jesus. Ele é a Água que limpa nosso espírito.

A santificação, aliás, é uma ordem, e não uma opção. Mas, como é santo aquele que vos chamou, sede vós também santos em toda a vossa maneira de viver, porquanto escrito está: Sede santos, porque eu sou santo (1 Pe 1.15, 16). O propósito de Deus consiste em restaurar o homem à Sua perfeita imagem, reerguendo-o das ruínas da queda.

Por intermédio do profeta Ezequiel, Deus prometeu a Israel que espalharia água pura sobre eles, purificando-os de toda idolatria e imundícia do coração (Ez 36.25). Essa promessa se cumpriu com Jesus, ao derramar Seu precioso sangue na cruz do Calvário, pelo qual fomos lavados e purificados dos pecados.

Uma vez salvos e libertos, continuaremos esse processo de santificação diário pela leitura e prática dos ensinamentos bíblicos. Ao lermos as Escrituras, conhecemos a vontade do Pai celeste, conseguimos entender o que Lhe agrada e, consequentemente, temos condições de rejeitar as decisões que nos impedem de amá-Lo de todo o coração. É assim que permanecemos limpos diante dEle.

Caráter cristão – Segundo Steve Gallagher, autor dolivro Contaminados pela Babilônia (Graça Editorial),existem duas formas de santificação. A primeira é a posicional, quando a pessoa recebe a salvação e torna-se santa, separada, pois passa a ser templo de Deus. É um estado espiritual decorrente do arrependimento e fé em Cristo e é alcançado sem esforço. […] A segunda é a santificação progressiva, isto é, a santificação é o processo pelo qual o cristão vai se tornando, gradativamente, semelhante a Jesus. Em outras palavras, a santificação se refere ao desenvolvimento do caráter cristão. É o processo pelo qual alguém se torna santo (2 Coríntios 3.18). […] É imperativo reconhecermos que ninguém pode tornar-se santo sozinho. Somente o Senhor pode fazer isso. Entretanto, Deus não transformará alguém que não luta nem anseia por santidade. Para haver santificação, pressupõe-se o desejo de separar-se dos inimigos de Deus (Salmo 139.19-22) e tornar-se cheio da Sua justiça (Mateus 5.6).

Examine seu coração e, em oração sincera, peça a Deus o perdão de todos os seus pecados. Sem santidade, ninguém verá o Senhor (Hb 12.14).

Pr. Rogério Postigo
Advogado e líder estadual da Igreja Internacional da Graça de Deus no Rio de Janeiro


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *